Arquivo da tag: Pense comigo!

No almoço de ontem.

Padrão

Almoçando ontem com dois colegas de trabalho, conversamos sobre redes sociais – twitter, facebook, orkut… – e um deles disse: “Falcão disse que não tem tempo para estas bobagens, e eu acho que ele tá certo!”; o outro disse “Tem que saber usar as ferramentas, não escrever besteira!” e eu disse: “É preciso ter classe, não escrever coisas das quais possamos nos arrepender”.

Não acho legal quando leio “Que vontade de bebê uma ceeeeevaaaaaaaaaaaaaaaaaaa!!!” na minha wall do facebook, galera. Mas isso me fez pensar: o culpado por estes recadinhos não é quem escreve, já que cada um escreve o que bem quiser… o culpado por este recadinho aparecer na minha wall, sou eu… eu que permito isso. Ou melhor, permitia.

Fiz uma limpa nos contatos, retirando todos os colegas de trabalho de lá. Entro pouco no facebook, mais para responder recados ou passar alguma mensagem referente a um trabalho de faculdade, por exemplo. Mas penso que não interessa o que faço, com quem faço, como faço… aos meus colegas de trabalho e nem a ninguém. Vida profissional é vida profissional e vida pessoal é vida pessoal. Colegas de trabalho são uma coisa e amigos, outra. Em alguns raros casos, posso dizer que possuo conhecidos que se encaixam em ambas as definições, mas de modo geral, não é legal misturar as coisas.

As pessoas misturam os papéis. E apesar de eu morrer dizendo que eu sou responsável pelo digo não pelo o que os outros entendem, ficar quietinha, na minha, sempre foi e será a melhor opção: inclusive nos almoços de trabalho.

Anúncios